Assédio Virtual – Aumenta a Pedofilia na Internet

A rápida disseminação de conexões de internet rápidas e baratas nos países pobres, particularmente no sudeste da Ásia, está adicionando um novo elemento a uma história antiga e sinistra. Trata-se do “assédio virtual”, instrumento utilizado para predadores conhecerem crianças em salas de chat em vídeo.

Uma série de operações policiais conjuntas no início deste ano expôs “pequenas fábricas” e salas de sexo com transmissão pela internet que mantêm crianças para propósitos sexuais. Muitas eram administradas por famílias pobres que pretendiam ganhar dinheiro com seus filhos.

A Terre des Hommes (TDH), uma organização com base na Holanda que trabalha contra a exploração infantil, divulgou um relatório em novembro mostrando como é fácil coletar informações sobre pedófilos por meio do uso de um perfil falso de uma garota de 10 anos das Filipinas.

pedofilia na internet

Os resultados foram mais de 20.000 aproximações oriundas de 71 países ao longo de um período de dez semanas. Muitos predadores identificaram suas localizações e identidades porque acreditavam que ninguém estava observando. A TDH identificou 1.000 deles e entregou um relatório para a Interpol.

A exploração infantil é particularmente ruim nas Filipinas. O país é pobre, porém 40% de 100 milhões de pessoas têm acesso à internet. A combinação dá às famílias e aos exploradores tantos os meios como os incentivos para por as crianças na rede.

Fontes: The Economist-Virtual depravity